Logo Centro de Vida Madre Clarice

Madre Paulina - Congragação das Irmãzinhas da Sagrada Conceição

Calendário dos Retiros Terapêuticos

Informações sobre o investimento

O que levar ?

Desintoxicar fígado e vesícula

do Livro de Andreas Moritz

Quem tem cálculos biliares no fígado e/ou vesícula, apresenta alguns destes sintomas:

  • Falta de apetite;
  • Anseio por comida;
  • Transtornos digestivos;
  • Diarreia;
  • Prisão de ventre;
  • Fezes cor de argila;
  • Hérnia;
  • Flatulência;
  • Hemorroidas;
  • Dor do lado direito;
  • Dificuldades para respirar;
  • Cirrose hepática;
  • Hepatite;
  • Muitas infecções;
  • Colesterol alto;
  • Pancreatite;
  • Doenças cardíacas;
  • Transtornos cerebrais;
  • Ulcera duodenal
  • Náuseas e vômitos;
  • Mau humor constante;
  • Depressão;
  • Impotência;
  • Problemas sexuais;
  • Doença na próstata;
  • Problemas urinários;
  • Desequilíbrios hormonais;
  • Transtornos menstruais;
  • Transtornos na menopausa;
  • Problema de visão;
  • Olhos inchados;
  • Problemas de pele;
  • Manchas de fígado especialmente na parte anterior das mãos e do rosto;
  • Tontura e desmaio;
  • Perda do tônus muscular;
  • Excesso ou perda de peso;
  • Síndrome do intestino irritado;
  • Inflamação dos intestinos;
  • Colite;
  • Dor na parte superior da escápula e/ou entre as escápulas;
  • Cor escura embaixo dos olhos ( olheiras);
  • Caráter mórbido;
  • Língua pastosa ou coberta por uma coloração branca ou amarelada;
  • Escoliose;
  • Gota;
  • Ombro rijo;
  • Pescoço rijo;
  • Asma;
  • Dores de cabeça e enxaquecas;
  • Problema dentário ou gengival;
  • Olhos amarelados;
  • Ciática;
  • Enrijecimento das articulações e dos músculos;
  • Ondas de frio e calor;
  • Adormecimento ou paralisia das pernas;
  • Dores nas juntas;
  • Problemas nos joelhos;
  • Osteoporose;
  • Obesidade;
  • Fadiga crônica;
  • Doença nos rins;
  • Câncer;
  • Esclerose múltipla e fibromialgia;
  • Mal de Alzheimer;
  • Estremidades frias;
  • Calor excessivo e transpiração na parte superior do corpo;
  • Excessiva oleosidade ou queda de cabelos;
  • Cortes ou feridas que não param de sangrar ou não cicatrizam;
  • Dificuldade para dormir, insônia;
  • Pesadelos;
  • Perda de memória;
  • Tumores estomacais ou malignos.

O FIGADO é como um maquinista do TREM DA SAÚDE ou como o Prefeito de uma cidade bem estruturada. Se de repente cai uma barreira na estrada de ferro ou a vida da cidade paralisar com constantes greves, tudo vira um caos. Assim acontece com o Fígado quando acumula muitos cálculos biliares em suas vias internas ou dutos. A saúde é atingida e os sintomas tomam conta da vida da pessoa.

COMO DESINTOXICAR O FÍGADO:  

Marque no calendário uma semana ( 7 dias) de preferência na lua minguante.

1º. Passo: Limpeza do intestino. Para isto poderá tomar óleo de rícino ou sal-amargo. Espremer duas laranjas, aquecer o suco e colocar os 30 ml de óleo de rícino, tapar o nariz e ingerir. Pode ser de manhã em jejum ou à noite com o estômago vazio. Se optar pelo sal-amargo, poderá diluir uma colher do sal-amargo em ½ copo de água morna e ingerir.

2º. Passo. Tomar diariamente 1 litro de suco de maçã, passado na centrífuga, durante os seis dias de preparação para a limpeza do fígado; Quem não puder fazer o suco pode comprar suco de maçã ou cidra comercial que para este fim serve também. Durante o dia pode ainda se alimentar com sopinhas leves de legumes e chás quentes, além dos 6 a 8 copos de água de boa qualidade. O melhor chá pode ser de quebra-pedra ou camomila ou hortelã ou marcela. Pode misturar até três tipos de folhas, junto.

3º. Passo: No dia da limpeza, tomar o litro de suco de maçã pela manhã. Evitar qualquer alimento depois das 13h30 (exceto água).

18h: Adicionar 4 colheres de sal amargo num recipiente com 750 ml de água ou seja 3 copos de 250 ml. Mexer bem e colocar o conteúdo em 4 copos. Tomar o primeiro copo, ou seja a primeira porção neste horário.

20h: Beber a 2ª porção, isto é, o segundo copo com o sal amargo.

21h30: Se ainda não tiver evacuado, é bom fazer uma lavagem intestinal, aplicando um clister de água para desencadear uma série de evacuações.

21h45: Espremer as laranjas ¾ de copo de suco. Misturar com ½ copo de azeite de oliva extra virgem, primeira pressão à frio. Colocar tudo num frasco, tapar e agitar por 20 vezes até que a mistura fique homogênea.

22h: Beber o conteúdo do azeite com a laranja tapando o nariz e estando em pé, não deitado. Deitar-se imediatamente e permanecer de barriga para cima, quieto, sem falar mas concentrado. Poderá sentir as pedras caminhando pelos dutos biliares mas sem dor porque as válvulas da vesícula e dos dutos biliares do fígado estarão abertas, graças ao sal-amargo. Fique nesta posição de 1 a 2 horas.

4º. Passo: No dia seguinte tomar o 3º. Copo do sal-amargo que já está preparado.

5º. Passo: Depois de duas horas de ter tomado o terceiro copo, beber o 4º. copo do sal-amargo. Se quiser volte para a cama e ficar quieto em repouso.

COMER: Duas horas depois do último copo de sal amargo, pode voltar a ingerir suco de frutas ou clorofila. Depois de mais 2 horas, poderá comer comida leve, de fácil digestão sem condimentos. É aconselhável durante mais 7 dias comer comida leve ou sopas de legumes ou verduras cruas.

Veja aqui alguns chás para desintoxicar o fígado

COMO SABER SE A LIMPEZA DEU RESULTADO? 

Pode observar as pedras no vaso com o uso de uma lanterna. Como são porosas, flutuam. Ou usar uma peneira com furos grossos onde a diarreia passa e as pedras não. Lavar no vaso e observar. É importante não haver contato com as fezes. Usar a peneira somente se tiver curiosidade em observar o que aconteceu.

COMO TRABALHAR A RAIVA QUE ATINGE PROFUNDAMENTO O FÍGADO?

Fazer uns minutos de MEDITAÇÃO diária. Respirando 50 vezes lenta e profundamente. Ao inspirar pensar em JESUS e ao expirar pensar em: EU CONFIO EM VÓS.
Viver cada instante como se fosse o único da vida. Fazer o melhor em tudo! Confiar em Deus e em Maria como fazia Santa Paulina.